Nutrição Clínica e Funcional

A adopção de um estilo de vida saudável é ir de encontro à prevenção de inúmeras patologias que cada vez mais estão a ser banalizadas.
A alteração de hábitos alimentares é um dos factores essenciais neste campo e é algo que está nas nossas mãos.
Dependendo da individualidade de cada um, é feito uma abordagem no intuito de reeducação, seguindo sempre os objectivos e a visão do paciente.
O conceito em que a Nutrição é vista apenas para quem quer perder peso, é um conceito bastante limitativo e daí ser tão importante consciencializar as pessoas!
A Nutrição Funcional é um dos pilares da Medicina Funcional, em que a abordagem é centrada na causa da doença e não na doença em si.
A doença não é mais que uma manifestação de diversos factores, factores estes, que estão interligados ao ambiente que nos rodeia como da nossa predisposição genética.

Sabendo que a alimentação é um dos principais factores que influencia a forma como os nossos genes se expressam, torna-se essencial intervir nesta mesma área.
A Nutrição Funcional assenta nos seguintes princípios:

  • Individualidade bioquímica, em que cada indivíduo é único;
  • O principal focus é o paciente e não a doença;
  • Somos constituídos por vários sistemas, sistemas esses que estão interligados entre si e que funcionam como um todo;
  • Saúde como vitalidade que vai para além da ausência de patologias; a saúde é um equilíbrio positivo entre o nosso estado físico, mental e emocional;